07/10/2009

Deu no Yahoo!

O departamento de antiguidades do Egito anunciou hoje que rompeu laços com o museu francês do Louvre, pois a entidade se recusou a devolver artefatos que, segundo os egípcios, foram roubados. A decisão significa que não será permitida a realização de expedições arqueológicas ligadas ao museu francês no Egito. Uma palestra no país de uma ex-curadora do Louvre também foi cancelada.

"O Museu do Louvre se recusou a devolver ao Egito quatro artefatos arqueológicos roubados durante os anos 1980 da tumba do nobre Tetaki", perto do famoso templo de Luxor, afirma o comunicado, citando o chefe do setor de antiguidades do país, Zahi Hawass. A ex-diretora do departamento de Egiptologia do Louvre Christiane Ziegler adquiriu as quatro peças no ano passado e as colocou em exibição, segundo o comunicado. A palestra dela no Egito foi cancelada.

Desde que assumiu o cargo, Hawass tem feito da recuperação de peças roubadas uma prioridade. Ele pretende reaver o busto de Nefertite - mulher do faraó Akhenaton - e a Pedra de Roseta, fundamental para a descoberta dos significados dos hieróglifos. O busto está no Museu Egípcio, em Berlim, e a Pedra de Roseta, no British Museum de Londres. Recentemente, Hawass conseguiu trazer de volta para o Egito fios de cabelo roubados da múmia de Ramsés II.

Em contrapartida, a direção do Museu do Louvre anunciou nesta quarta-feira que está disposta a dialogar sobre a restituição ao Egipto de cinco afrescos procedentes de uma tumba egípcia, reclamados pelo Cairo, respeitando os procedimentos franceses.

O famoso museu parisiense fez o anúncio depois que as autoridades egípcias anunciaram a interrupção da cooperação arqueológica com o Louvre enquanto não forem restituídas as peças arqueológicas, "roubadas" na avaliação do Cairo, procedentes de uma tumba da região de Luxor, 700 km ao sul da capital egípcia.

Fontes francesas indicaram que as peças reclamadas pelo Egipto são fragmentos decorativos de uma tumba do Vale dos Reis, que foram adquiridos de forma "transparente" pelo Louvre.

Fontes:

http://br.noticias.yahoo.com/s/07102009/25/mundo-egito-acusa-louvre-roubo-rompe.html

http://br.noticias.yahoo.com/s/afp/fran__a_egito_arqueologia_cultura

2 comentários:

  1. Muitos museus europeus serão esvaziados se devolverem tudo o q foi saqueado em guerras e/ou roubados.
    O Metropolitan de NY, tb tem muito acervo q sabe-se lá como foi adquirido.
    Essa briga vai demorar.

    ResponderExcluir
  2. Não só os museus europeus
    temos muitos museus nessa
    mesma situação

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget