30/07/2011

EUA devolvem ao Egito 19 peças arqueológicas da tumba de Tutancâmon

Cairo, 30 jul (EFE).- O Metropolitan Museum of Art de Nova York devolveu ao Egito 19 peças arqueológicas pertencentes à tumba do faraó Tutancâmon (1336-1327 a. C.), informou neste sábado o Conselho Supremo de Antiguidades egípcias (CSA).

Entre as peças, se destacam por seu valor um cachorro de bronze, de apenas dois centímetros de altura, um bracelete de lápis-lazúli, em forma de esfinge, e um colar de contas.

O anúncio foi feito pelo secretário-geral do CSA, Mohammed Abdel Maqsud, em comunicado no qual precisou que o subdiretor do Departamento de Arqueologia Egípcia, Atef Abul Dahab, chegará ao Cairo desde os Estados Unidos com as antiguidades na terça-feira.

O museu de Nova York decidiu entregar esses objetos ao Egito após uma série de negociações entre responsáveis egípcios e americanos.

Os 19 objetos, todos de pequeno tamanho, foram encontrados na tumba de Tutancâmon, descoberta pelo arqueólogo britânico Howard Carter em 1922 na ribeira oeste do rio Nilo, na localidade monumental de Luxor, localizada 700 quilômetros ao sul da capital.

Nessa época, o Governo egípcio permitia que os arqueólogos que trabalhavam com recursos próprios ficassem com uma parte substancial de suas descobertas.

Abdel Maqsud destacou o gesto do museu nova-iorquino, especialmente depois de a instituição ter se transformado em uma grande aliada do CSA para recuperar peças arqueológicas levadas ilegalmente do Egito.

Nesse sentido, o responsável egípcio lembrou que no passado o Metropolitan proporcionou ao Egito informações que ajudaram a recuperar um pedaço de rocha que fazia parte do templo faraônico de Karnak, situado em Luxor.

O CSA adiantou que as 19 peças serão exibidas junto ao restante das antiguidades pertencentes a Tutancâmon no Museu Egípcio do Cairo. EFE


FONTE: http://br.noticias.yahoo.com/eua-devolvem-ao-egito-19-pe%C3%A7as-arqueol%C3%B3gicas-tumba-092905657.html

FONTE:

26/07/2011

o Museologando Avalia


Arthur Bispo do Rosário: o artista do fio
Exposição com 160 obras denominadas ORFA's (Objeto Recoberto por Fio Azul)Essa é a primeira vez que esse conjunto de obras é exposto ao público.São 160 obras organizadas de modo a ficarem pendentes do teto da galeria, numa tentativa de instigar o público a penetrar na obra do artista que nos convida a um mergulho nos campos da ideologia, da metafísica, do amor e da loucura.
Uma exposição simples, com poucos recursos museográficos, e eficiente, bem idealizada e capaz de fazer o visitante adentrar e refletir, a partir das obras de Bispo do Rosário, questões acerca das artes, da filosofia, da sociologia e da psicanálise.
Caixa Cultural Rio de Janeiro - galeria 1
Até 14 de agosto
Av. Almirante Barroso 25 - Centro
terça a sábado, 10h às 22h
domingo, 10h às 21h

Terça Insana no Museu

"me deixem ser burra, ser intelectual dói"
uma aula bem humorada de História da Arte com a turma do Terça Insana
É risada na certa
Confira o vídeo!

Oficina Digitalização de Acervos - CCPF

Oficina gratuita sobre digitalização de acervos: inscrições abertas
Curso abordará a experiência do CCPF da Funarte e outros temas
Estão abertas as inscrições para a oficina gratuita “Digitalização de Acervos – A Experiência do CCPF/Funarte”, que será ministrada pelo professor Márcio Ferreira. O curso será nos dias 2 e 3 de agosto, das 13 às 18h, na sede do Centro de Conservação e Preservação Fotográfica – CCPF da Funarte, no Centro do Rio de Janeiro.
Nos dias 9 e 10 de agosto, no mesmo horário e local, será realizada outra oficina com o mesmo conteúdo programático. Mas as inscrições (para a segunda oficina) só poderão ser feitas a partir de 1º de agosto, quando será disponibilizado o formulário próprio.
As oficinas abordarão a metodologia de digitalização de acervos, a experiência do CCPF na implantação de seu parque digital e projetos bem-sucedidos como o Brasil Memória das Artes, do Centro de Documentação em Arte da Funarte.
Os cursos são direcionados a estudantes, fotógrafos, profissionais de preservação de acervos e de áreas afins. Os interessados em participar da primeira oficina (dias 2 e 3 de agosto) devem enviar a ficha de inscrição preenchida, até 29 de julho, para ccpf.cursos@gmail.com.
Ficha de inscrição Oficina – dias 2 e 3 de agosto

Carta de Petrópolis - IBRAM

Educação museal: Ibram divulga Carta de Petrópolis
Como resultado das discussões iniciadas durante o 1º Encontro de Educadores do Instituto Brasileiro de Museus, realizado no Museu Imperial de Petropólis em 2010, o Ibram divulga a Carta de Petrópolis (veja a íntegra). O documento lança as bases de uma Política Nacional de Educação Museal, considerando as diretrizes do Estatuto de Museus.
As propostas visam fundamentar a promoção das ações educacionais, no que concerne à diversidade cultural e à democratização do acesso aos museus como espaço de encontro e instrumento de promoção de cidadania.
Ações educacionais em museus constituem-se como práticas e processos que objetivam promover a integração entre os públicos e os acervos. Rodas de memória; visitas orientadas, mediadas e dialogadas; oficinas e apresentações artísticas são algumas das possibilidades educacionais que podem ocorrer nos espaços museais. Elas facilitam a interpretação e estimulam a conscientização dos visitantes para a preservação e o usufruto dos bens culturais como patrimônio compartilhado, além de articular laços afetivos e criativos entre o museu e seus diversos públicos.
O Ibram incentiva que os museus desenvolvam ações educacionais fundamentadas no respeito à diversidade cultural e na construção participativa de conhecimento. Veja aqui exemplos de ações educacionais realizadas nos museus do Ibram.

25/07/2011

Concurso!!!!!

Bacharéis em Museologia com Mestrado em Museologia ou áreas afins:

Concurso pra Professor na UFS! Edital aqui.

23/07/2011

Museu dos EUA elabora maior base de dados da arte latino-americana

SILAS MARTÍ
DE SÃO PAULO

No diário de sua viagem ao Brasil, o poeta Blaise Cendrars anotou: "A terra é vermelha, o céu é azul". Tarsila do Amaral então ilustrou tudo sob os efeitos de "azul puríssimo, rosa violáceo, amarelo vivo, verde cantante".

"Feuilles de Route" (folhas do caminho), caderno que destrincha o roteiro da artista com o poeta francês por Minas Gerais e que deu origem à sua fase "Pau Brasil", é um dos 10 mil documentos que integram o mais ambicioso projeto de digitalização de textos e imagens relacionados à arte latino-americana.

Nos últimos sete anos, Houston foi o epicentro de um esforço que envolveu cem pesquisadores, espalhados por 14 cidades das Américas para reunir a maior base de dados de artistas latinos já compilada, tudo a um custo de cerca de R$ 78 milhões.

"Queremos percorrer as bases intelectuais da arte latino-americana", resume Mari Carmen Ramírez, curadora do Museum of Fine Arts de Houston (EUA), responsável pelo projeto. "Nossa esperança é que isso leve a uma transformação radical no entendimento da arte dessa região."

Divulgação
Capa do diário 'Feuilles de route'; Desenho de luis Felipe Noé; a revista mexicana 'azulejos'
Capa do diário 'Feuilles de route'; Desenho de luis Felipe Noé; a revista mexicana 'azulejos'

Radical porque documentos primários, de diários de artistas a artigos publicados e anotações pessoais, estarão acessíveis ao mundo todo pela primeira vez. Será uma base que permite cruzar dados sobre a produção desses autores ao longo do século 20.

"Isso nos leva a observar esses artistas a partir de outros ângulos", diz Ramírez. "Ajuda a estabelecer uma história comparativa da arte latino-americana, esclarecendo a relação entre os países."

ETAPA BRASILEIRA

Na primeira etapa do projeto, serão divulgados, até o fim deste ano, 3.000 documentos ligados a nomes dos Estados Unidos, México e Argentina. Em 2013, entram os 1.500 textos históricos que foram garimpados no Brasil.

Entre eles, clássicos como o "Manifesto Antropófago", de Oswald de Andrade (1890-1954), textos sobre arquitetura moderna escritos por Gregori Warchavchik (1896-1972), uma análise das construções do país feita por Le Corbusier (1887-1965) e publicações como a revista "Klaxon", espécie de bíblia dos modernos.

"São autores que marcaram o pensamento das artes no Brasil", diz Ana Maria Belluzzo, professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, que coordenou o braço brasileiro da pesquisa. "Tentamos reconstruir esse pensamento, mostrar a criação de uma linguagem."

Embora pesquisadores de cada país tenham autonomia, um roteiro geral de busca foi elaborado em Houston para dar unidade aos dados -uma lista de critérios do que interessa ou não ao projeto.

"Há uma lista de questões, não de artistas", diz Belluzzo. "A coisa mais importante é trabalhar esse universo."

Em paralelo ao projeto de Houston, a artista Letícia Parente acaba de ter sua documentação lançada on-line em leticiaparente.net, e os escritos de Lygia Clark devem ganhar a web em breve, numa parceria dos herdeiros da artista com a Universidade Federal de Minas Gerais.


FONTE: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/948445-museu-dos-eua-elabora-maior-base-de-dados-da-arte-latino-americana.shtml

FONTE:

22/07/2011

Férias no Museu

O Catavento é um espaço de cultura, lazer e educação que está com uma programação especial neste mês de férias. Um exposição mostra um viagem sobre a vida humana. Além disso, tem cinema 3D e parede de escalada.
Confira o vídeo!

20/07/2011

Tombamento Teatro Oficina

Teatro Oficina
MinC homologa o tombamento de uma das maiores referências culturais do país
A ministra da Cultura, Ana de Hollanda, homologou o tombamento do Teatro Oficina, um dos mais importantes do Brasil, localizado no bairro da Bela Vista, em São Paulo. A portaria nº 62 foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 18 de julho, e ratifica a recomendação feita pelo Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural na sua 64ª reunião, ocorrida em 24 de junho de 2010. O teatro foi fundado em 1958 por um grupo de estudantes de Direito, dentre eles, José Celso Martinez Corrêa, hoje o principal diretor do Oficina.
Com a decisão, o nome Teatro Oficina Uzyna Uzona será acrescido ao livro do Tombo Histórico e no Livro do Tombo das Belas Artes, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), vinculado ao Ministério da Cultura, e passará a contar com todas as prerrogativas do Decreto-Lei nº 25, como, por exemplo, a impossibilidade de ser demolido, restaurado, pintado ou reparado sem autorização especial do Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.
Leia mais em: http://www.cultura.gov.br/site/2011/07/19/teatro-oficina/

Game Stealing the Diamond

Ajude o seu personagem a roubar um diamante muito precioso que apareceu na televisão, escolhendo alternativas em como invadir o museu e agindo corretamente para não ser pego pelos policiais.
Como Jogar:
MOUSE,k,R e ESPAÇO realizam todas as ações do jogo
Confira!


Mais Jogos no Click Jogos

18/07/2011

expo: O Museu Encantado da Barbie

A exposição O Museu Encantado da Barbie chega ao Rio Design Barra e exibe 480 raras bonecas do acervo do colecionador Carlos Keffer. Entre as raridades ,estão a primeira Barbie fabricada e criações de renomados estilistas.
Museu Encantado da Barbie
Até 31 de julho no Rio Design Barra
Av. das Américas, 7.777 – Praça Central 1º piso
Telefone: 2430-3024
Confira o vídeo!

Oficina Estudos de Público

14/07/2011

Seminário do Museu de Imagens do Inconsciente

O Diretor do Museu de Imagens do Inconsciente, Eurípedes Junior, divulgou mensagem dizendo que "este é um momento crucial" para o museu. E que "a continuidade desse trabalho depende de nossa mobilização". Dado o recado, fica o convite.

13/07/2011

Museu Vivo de São Bento

Conheça o Museu Vivo de São Bento.
Vídeo produzido pela UNIRIO em 2010, mostra um pouco do percurso do Museu Vivo do São Bento, localizado no 2º distrito do município de Duque de Caxias.
Saiba mais no site www.museusdorio.com.br
Confira o vídeo!

12/07/2011

Ben 10 no MUSEU

Quando uma dupla de ladrões invade o museu local, cabe a Ben persegui-los e resgatar as peças de modo seguro
Assista o vídeo!

11/07/2011

expo: Brasil Feminino - FBN


Brasil Feminino resgata trajetória e ascensão das mulheres no Brasil em cinco séculos em 150 documentos raros, fotografias, jornais, revistas e pinturas de artistas como Debret e imagens como a da Lei do Ventre Livre
De Mãe Menininha do Gantois, Clarice Lispector e Pagu a Zilda Arns, Ruth de Souza, Carlota Joaquina e Maria Leopoldina. De Maria da Penha, Bertha Lutz, Ana Maria Machado e Benedita da Silva a Hilda Hilst, Lygia Bojunga, Lygia Fagundes Telles e Fernanda Montenegro. Da tenista Maria Esther Bueno e a jogadora de futebol Marta à Seleção Feminina de Vôlei, medalha de ouro em Pequim. De Tônia Carrero, Norma Bengel, Marta Rocha, Maria Bethânia e Rita Lee à presidenta da República, Dilma Rousseff, estão todas lá.
A exposição, que vai até 26 de agosto, aborda cinco diferentes temas: a condição subalterna da mulher; a consciência política e luta dos direitos civis; a ação social e educação; o comportamento e, por fim, a atuação científica e cultural.
“Utilizando-se de elementos do universo feminino, a exposição guarda surpresas aos visitantes, que encontrarão experiências sensoriais para o tato, visão e audição”
“A exposição Brasil Feminino pretende celebrar o duro caminho de libertação da mulher brasileira, o seu deslocamento heroico do espaço doméstico, a que se recolhia, rumo ao espaço público, capitaneado tradicionalmente pelos homens”, explicam os curadores. A ideia é apresentar as diversas facetas da mulher brasileira e demonstrar a maneira pela qual ela conseguiu ascender socialmente, culminando com a eleição, em 2010, da primeira mulher a ocupar o a Presidência da República.
A entrada é franca e os horários de visitação são de terça a sexta das 10h às 18h; sábados, domingos e feriados das 12h às 17h. Também estão previstos debates e paineis no Auditório Machado de Assis durante os dois meses de exposição.
Leia mais em: http://www.bn.br/portal/index.jsp?nu_padrao_apresentacao=25&nu_item_conteudo=1643&nu_pagina=1

08/07/2011

expo. Rio: a arte da animação

Rio: a arte da animação
A sala Bernardelli do MNBA apresenta a exposição Rio: A arte da animação, com um acervo que inclui desde as primeiras páginas do roteiro até o resultado final do filme Rio, um estrondoso sucesso de público. Storyboards, esboços dos personagens e cenários, além de todo processo de montagem computadorizada do filme dirigido pelo carioca Carlos Saldanha estarão à mostra.
Confira o vídeo!

06/07/2011

Casa de Rui Barbosa

MuP - Museu da Cidade de Patos de Minas

"Entre. O Museu é seu!"
Conheça o Museu da Cidade de Patos de Minas. Inaugurado em 07 de junho de 2011 o museu foi criado através da Lei Municipal em 2004. Instalado na Casa de Olegário Maciel, imóvel histórico tombado pelo Município, o MuP passou por intervenções de restauração e instalação de equipamentos para abrigar o acervo do museu.
Assista o vídeo!

02/07/2011

Dica de Filme

Meia noite em Paris - 2011
Owen Wilson interpreta Gil um roteirista norte americano bem sucedido porém frustrado que está passando férias em Paris com a família de sua noiva, Inez (Rachel McAdams). Meia noite em Paris apresenta cenas nos jardins do Palácio de Versalhes, obras de Rodin e incríveis encontros de Gil com grandes nomes das artes de Paris dos anos 20, como Pablo Picasso, Salvador Dalí entre outros.
Confira o vídeo!

Ocorreu um erro neste gadget