30/10/2009

Concurso do Iphan - Nova data de provas

24/09/2009
Acaba de ser publicado no Diário Oficial (dia 24 de setembro de 2009) o Edital do Concurso Público do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan, que oferece 187 vagas para nível médio e superior, com salários iniciais de R$ 2.274,42 (nível médio) e R$ 3.257,22 (nível superior).
As provas do concurso, realizado pela Fundação Universa, estão previstas para o dia 6 de dezembro deste ano e serão realizadas em todas as unidades da Federação. O maior número de vagas é para Brasília e Rio de Janeiro, porém, todas as superintendências estaduais do Iphan serão contempladas.
Serviço:
Inscrições: de 5 de outubro a 4 de novembro de 2009
Taxa: R$ 32 (nível médio) e R$ 67 (nível superior)
http://www.universa.org.br/conc_proximos.asp
1. Edital de abertura
2. Edital de retificação
3. Edital de retificação da data de prova

27/10/2009

Viver a Vida no Museu

A novela da globo Viver a Vida vai ao Museu.
Helena e mais três modelos posam no belíssimo museu francês. Luciana observa.
Assista ao video abaixo


21/10/2009

Museu exibe outdoor de Hitler

Museu de cera se desculpa por outdoor com Hitler na Tailândia

Outdoor em estrada de grande movimento trazia figura do ditador fazendo saudação nazista.

Um museu de cera na Tailândia pediu desculpas públicas por um outdoor com propaganda que destacava a figura do ditador Adolf Hitler fazendo uma saudação nazista.
O outdoor foi coberto após o museu receber centenas de reclamações, entre elas das embaixadas da Alemanha e de Israel na Tailândia.
A propaganda, colocada há duas semanas em uma estrada de grande movimento entre a capital do país, Bangcoc, e o balneário de Pattaya , dizia: "Hitler não morreu".
O anúncio fazia parte de uma série de outdoors para promover o museu de cera Louis Tussaud's Waxworks, em Pattaya.
O diretor do museu, Somporn Naksuetrong, disse que a imagem de Hitler não foi usada para celebrá-lo e pediu desculpas pela gafe, dizendo que não sabia que deixaria tanta gente aborrecida.
O embaixador alemão no país, Hans Schumacher, disse ao jornal Bangkok Post que a propaganda era de "mau gosto" e que reclamou diretamente ao ministério das Relações Exteriores da Tailândia.
http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/0,,MUL1345606-5602,00-MUSEU+DE+CERA+SE+DESCULPA+POR+OUTDOOR+COM+HITLER+NA+TAILANDIA.html

Exp. Pequeno Príncipe

O clássico foi escrito há 60 anos e continua inspirando crianças, jovens e adultos. A exposição recria o universo do pequeno príncipe. A mostra faz parte das comemorações do Ano da França no Brasil.
Assista o video

20/10/2009

Exp.Epidemic

Exposição conta história de todas as epidemias no mundo
A exposição Epidemic, que estreou nesta semana no Centro do Rio, conta a história das grandes epidemias que já passaram pelo mundo.
Assista o video.

Exp. John Lennon

Exposição em Nova York mostra raridades de John Lennon
Em Nova York, uma mostra exibe objetos raros da vida de John Lennon, que nunca tinham sido vistos em público. A maioria das peças foi dada pela esposa, Yoko Ono, como o rascunho de ´Imagine`.
Assista o video.

III Curso de Extensão LABOEP

12/10/2009

Roubaram o Pelé do Andy!



Entre outras obras, roubaram o Pelé do Andy! E estão oferecendo 1 milhão de dólares por informações que levem a elas!
Mais informações no site do IPHAN www.iphan.gov.br

Pai e filho no museu

Casa de João Goulart vira museu

O Memorial Casa João Goulart será inaugurado amanhã, em uma casa que pertenceu à família do ex-presidente da República em São Borja, no oeste do Rio Grande do Sul. O imóvel foi construído em 1927, tombado como patrimônio histórico em 1994 e posteriormente doado à Prefeitura de São Borja. A restauração foi concluída em julho deste ano, com patrocínio da iniciativa privada.
Os visitantes poderão observar documentos e objetos relacionados à vida de João Goulart, além do mobiliário original e pinturas decorativas em quatro salas de exposição, três salas de reconstituição de ambientes e uma sala de vídeo. O acervo foi doado por familiares, amigos, conterrâneos e admiradores do ex-presidente e pelo Instituto João Goulart.
O memorial está localizado perto da casa, também transformada em museu, de outro ex-presidente, Getúlio Vargas, formando o Corredor Cultural de São Borja.
João Goulart nasceu em São Borja em 1º de março de 1919, assumiu a presidência da República em setembro de 1961, foi deposto pelo golpe militar de março de 1964 e morreu no exílio, na Argentina, em 6 de dezembro de 1976. Seus restos mortais estão enterrados em São Borja, assim como os de Getúlio Vargas e Leonel Brizola.
http://g1.globo.com/Noticias/Politica/0,,MUL1324875-5601,00-CASA+DE+JOAO+GOULART+VIRA+MUSEU.html

08/10/2009

museu celebra mundo de Walt Disney

04/10/09 - 18h01 - Atualizado em 04/10/09 - 18h00

Um museu celebra o maravilhoso mundo de Walt Disney

Da France Presse

LOS ANGELES, 4 Out 2009 (AFP) - A primeira coisa que os visitantes veem quando entram no novo Walt Disney Family Museum não é o camundongo Mickey ou o Pato Donald, ou mesmo a Branca de Neve, mas uma foto de Walt Disney com apenas 9 meses de idade.
O museu, que abriu as portas esta semana depois de seis anos de preparação, também exibe raridades como o primeiro rascunho do desenho de Mickey Mouse e a maquete do tamanho de um quarto com o conceito original de Walt para a Disneylândia.
Ao contrário dos parques temáticos, o museu criado pela família Disney é dirigido para os adultos, as pessoas que cresceram com os personagens imaginadas pelo gênio criativo de Walt, filho de um fazendeiro rude e que sofria maus-tratos nas mãos do pai, mas que, dono de uma audácia inovadora, virou uma das maiores influências culturais do século XX.
"Não é um museu para crianças, é um museu para toda a família ", explica Richard Benefield, diretor da entidade. "Achamos que a maioria das pessoas que virão visitá-lo terá entre 45 e 65 anos".
Teri McCollum, que optou por usar as características orelhas de Mickey, só que douradas, na inauguração exclusiva para convidados é exatamente o tipo de visitante que Benefield espera.
McCollum, de 52 anos, conta que a visita ao museu lhe trouxe recordações sobre uma infância difícil e que o esboço original a lápis do rato Mickey, feito em 1928, fez seus olhos se encherem de lágrimas.
"É simplemente parte de nossa infância", indicou. "Eu diria que Walt Disney salvou minha vida. Eu fugi para dentro de Disney, escapei para dentro de seus filmes. Ele me ajudou a sobreviver".
O museu, construído num antigo barracão militar na baía de San Francisco, tem de tudo para todos os gostos, apesar de talvez ser um pouco sofisticado demais para crianças pequenas, acostumados ao clima festivo dos parques da Disney.
Mas lá se pode encontrar rascunhos originais, milhares de objetos, centenas de fragmentos de áudio de Disney explicando seu ofício.
Há os prêmios dados pela Academia, gravuras realizadas pelo espanhol Salvador Dalí e uma réplica da ambulância da Cruz Vermelha que Disney dirigiu na França durante a I Guerra Mundial. E há incontáveis fotografias e filmes de Disney junto a sua família e amigos.
Apresentações interativas que permitem aos visitantes participar do processo criativo - como sincronizar música com animação - provavelmente atrairão os visitantes mais jovens.
"Walt é o meu herói, é alguém que tinha um sonho e o tornou realidade. O museu é surpreendente, mostra a ele e a seu sonho ", afirma Amber Wagner, de 23 anos, estudante de ciência forense que também usa muito à vontade as orelhas da ratinha Minnie, apesar dos vários piercings no rosto. Ela também exibe uma tatuagem do logo da Disneylândia nas costas.
A família Disney escolheu San Francisco para o local do museu depois de avaliar Los Angeles, Kansas e a cidade em que Disney nasceu, Chicago.
Depois da morte de Disney, em 1966, por causa de um câncer, sua família se mudou para a a área de San Francisco e armazenou milhares de seus objetos pessoais em um depósito da cidade. San Francisco se converteu, além disso, num centro mundial da animação, com pesos pesados como os estúdios da Pixar, da DreamWorks e da Lucasfilm instalados na região.
Apesar do museu - que custou 110 milhões de dólares - ser um hino de amor a Disney, não esconde seus defeitos, como os problemas que teve com os sindicatos e outras curiosidade, como uma lista que ele fez de seus pratos favoritos escrita cheia de erros ortográficos.

http://g1.globo.com/Noticias/PopArte/0,,MUL1329117-7084,00-UM+MUSEU+CELEBRA+O+MARAVILHOSO+MUNDO+DE+WALT+DISNEY.html

SEMINÁRIO

07/10/2009

Deu no Yahoo!

O departamento de antiguidades do Egito anunciou hoje que rompeu laços com o museu francês do Louvre, pois a entidade se recusou a devolver artefatos que, segundo os egípcios, foram roubados. A decisão significa que não será permitida a realização de expedições arqueológicas ligadas ao museu francês no Egito. Uma palestra no país de uma ex-curadora do Louvre também foi cancelada.

"O Museu do Louvre se recusou a devolver ao Egito quatro artefatos arqueológicos roubados durante os anos 1980 da tumba do nobre Tetaki", perto do famoso templo de Luxor, afirma o comunicado, citando o chefe do setor de antiguidades do país, Zahi Hawass. A ex-diretora do departamento de Egiptologia do Louvre Christiane Ziegler adquiriu as quatro peças no ano passado e as colocou em exibição, segundo o comunicado. A palestra dela no Egito foi cancelada.

Desde que assumiu o cargo, Hawass tem feito da recuperação de peças roubadas uma prioridade. Ele pretende reaver o busto de Nefertite - mulher do faraó Akhenaton - e a Pedra de Roseta, fundamental para a descoberta dos significados dos hieróglifos. O busto está no Museu Egípcio, em Berlim, e a Pedra de Roseta, no British Museum de Londres. Recentemente, Hawass conseguiu trazer de volta para o Egito fios de cabelo roubados da múmia de Ramsés II.

Em contrapartida, a direção do Museu do Louvre anunciou nesta quarta-feira que está disposta a dialogar sobre a restituição ao Egipto de cinco afrescos procedentes de uma tumba egípcia, reclamados pelo Cairo, respeitando os procedimentos franceses.

O famoso museu parisiense fez o anúncio depois que as autoridades egípcias anunciaram a interrupção da cooperação arqueológica com o Louvre enquanto não forem restituídas as peças arqueológicas, "roubadas" na avaliação do Cairo, procedentes de uma tumba da região de Luxor, 700 km ao sul da capital egípcia.

Fontes francesas indicaram que as peças reclamadas pelo Egipto são fragmentos decorativos de uma tumba do Vale dos Reis, que foram adquiridos de forma "transparente" pelo Louvre.

Fontes:

http://br.noticias.yahoo.com/s/07102009/25/mundo-egito-acusa-louvre-roubo-rompe.html

http://br.noticias.yahoo.com/s/afp/fran__a_egito_arqueologia_cultura

06/10/2009

Jogo Museum Madness



Baixe o jogo no link abaixo e divirta-se
http://www.abandonia.com/en/games/479

Museu na Desciclopédia

Quando um ser normal vai ao museu é porque aquela professora chata pediu um trabalho necessariamente de la. Nerd vai ao museu porque la tem pouca gente e porque é NERD!!!!

Frase de para choque de caminhão sobre museu
Escreveu não leu? Virou museu.
Frase que eu inventei sobre museu.

Melhor ter ido ver o filme do Pelé
Chaves sobre sua visita ao museu

Hei muleque! Aqui não pode tirar foto.
Guarda sobre museu.

Mexeu o olho sim, eu vi.
Você sobre pintura sinistra do museu.

Museu é um F-E-N-ô-M-E-N-O
Clóvis Bornai sobre museu

Essa porra num serve pra nada!
Você argumentando com sua professora para não ter que ir ao museu.

Finalmente um museu onde agente não precisa fingir que está se divertindo!
Pessoa normal sobre o museu da história em quadrinhos, vídeo game, e da putaria.

Da putaria onde fica?
Você sobre a afirmação acima.

Museu é para onde mandam as coisas velhas e quebradas, sem utilidade alguma e que você para para ver e e admirar. Dizem que tem coisas que fazem parte da história de algum lugar...

Museu

O primeiro museu conhecido foi ao lado da biblioteca da Alexandria onde se localizava exatamente a casa da Dercy Gonçalvez, um lugar onde eram praticadas orgias, entre outras heresias. Servia como refúgio para os perseguidos por praticarem atos de canibalismo e castração de onintorrincos. Entre os utensílios que se podia encontrar neste primeiro museu: coisas velhas, camisinha, mais coisas velhas, telefones celulares, coisas velhas, dentaduras, coisas velhas, filmes pornô da Dercy Gonçalvez, e um monte de outras coisas velhas.

O primeiro conceito de museu foi formulado nas décadas de 2152 -1937 do século XIV do calendário venusiano nas colônias do Império Quintosdoinfernaton na cidade de Salmonela. Após uma noitada de muito sexo, drogas e rock’n roll Dercy Gonçalves, e sua arquinimiga Hebe Camargo travaram uma disputa de purrinha e luta na lama usando biquini, para decidir se o coelho projetado na Lua, é macho ou fêmea. Não chegando a nenhuma conclusão, e após mais sexo lésbico, as duas decidiram que devia ficar em algum lugar todos aqueles utensílios utilizados na sexo, ops, disputa ( entre eles, encontraram-se carrinhos de controle remoto, fotos do Pedro de Lara, canetinhas hidrocor, e um DVD do Sydney Magal todos eles contendo um líquido viscoso que eu tenho medo de tentar imaginar o que seja). Ao lugar onde ficaram guardados estes pertences ficou chamado de museu, uma palavra que a Hebe Camargo inventou por achar uma gracinha. Alguns autores defendem que o museu é além de um lugar para guardar coisas velhas, é também uma pedra lançada num lago, mas isso além de uma puta viadagem é mentira, porque a revista veja nunca confirmou tal fato. Outra corrente de pensamento da Igreja Universal do Reino de Deus, diz que museu é um lugar para onde você vai depois que morrer se não pagar o dízimo.

Origem do museu segundo Clóvis Bornai.
Museu era o nome do lugar onde Lúcifer guardava sua coleção de bonecas barbie das outras bibas invejosas.

http://desciclo.pedia.ws/wiki/Museu

Museu da Língua Portuguesa expõe Cora Colalina

05/10/2009

Lygia Clark

Experiências digitais a partir de conceitos e trabalhos da Lygia... Entre, ligue o áudio e o microfone, siga as instruções e seja curioso! Vale a pena!

http://www.espacoperceptivo.net/
Ocorreu um erro neste gadget