22/03/2010

Documentation of Museum Collections. Why? How? - Practical guide

A UNESCO e o ICCROM , junto com outros parceiros, disponibilizaram um "rascunho" de um guia prático básico de documentação para coleções de museus pequenos (para a noção de tamanho deles...) com entre 5000 e 8000 peças. E pedem para aqueles que trabalham em museus neste perfil que testem e mandem uma avaliação sobre o guia (para eles fazerem a versão final).

Mesmo para quem não trabalha em museus assim e principalmente para quem está fazendo matérias de documentação na faculdade, só o rascunho já vale beeeem a pena. E pra quem está no perfil, no link há o contato para participar desse teste.

O único problema é que todo material está em inglês, espanhol ou francês, as tais línguas oficiais da Unesco...

http://portal.unesco.org/culture/en/ev.php-URL_ID=40545&URL_DO=DO_TOPIC&URL_SECTION=201.html

3 comentários:

  1. Olá,
    Não entendi... Qual o "problema" das línguas? Não seria desejável que todo museólogo se interessasse, ao menos, em estudar um pouco idiomas como o espanhol, o francês e o inglês, de tanta utilidade na área? Veja que boa parte da bibliografia de museologia está nessas línguas... E se for fazer um mestrado ou doutorado, elas são essenciais. Abraço,
    Vera Siqueira
    Museóloga
    Corem 4ª R - nº 0140-I

    ResponderExcluir
  2. Oi Vera!
    Concordo plenamente com você sobre as pessoas se interessarem em aprender outras línguas, eu inclusive que falo um espanhol básico e inglês avançado.
    Mas acredito que num país de dimensões continentais como o nosso, onde uma iniciativa como essa poderia ser de grande valia, ela acaba perdendo muito alcance (entre estudantes, por exemplo) por não estar também na nossa língua. Trabalhar com materiais de documentação em inglês, por exemplo, é extremamente difícil pois muitos dos termos utilizados são técnicos e não são aprendidos em cursos regulares. E até hoje não conheço nenhum curso de Museologia que tenha inglês instrumental no currículo, infelizmente.
    Obrigado pelo comentário!
    Maíra Dias
    Museóloga
    Corem 2ªR - nº0827-I

    ResponderExcluir
  3. Adoraria estudar inglês instrumental/técnico, tanto para usar na museologia como na internet.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget