10/03/2010

Giotto "secreto" é encontrado em capela de Florença



Detalhe da obra "o beijo de Judas"

Devem ter uns quatro dias desde que doi anunciado a redescoberta das obras de Giotto na capela Peruzzi na igreja Santa Croce, em Florença. Não que tenha sido exatamente a descoberta de uma obra perdida do artista renascentista, mas uma redescoberta dos detalhes originais encoberto por restaurações mal sucedidas ao longo dos séculos. Segundo a reportagem do globo que aliás é exatamente a mesma do yahoo notícias, os cientistas redescobriam estes detalhes utilizando uma técnica de luz ultravioleta, restaurando assim as imagens vistas por Michelangelo, e que teriam inspirado o mesmo em suas obras posteriores.


"Descobrimos um Giotto secreto", disse Isabella Lapi Ballerini, diretordo Opificio delle Pietre Dure, de Florença, um dos mais respeitados laboratórios de restauração de arte no mundo.

O objetivo do estudo, financiado em parte por uma doação da Fundação Getty, de Los Angeles, era colher informações sobre a capela de 170 metros quadrados. As informações seriam usadas para orientar uma restauração futura.


Giotto di Bondone 1266? - Florença, 1337

Desnecessário comentar a relevância que a descoberta tem para estudos de história da arte, já que o artista é considerado o elo entre a pintura renascentista e a bizantina, sendo agora, mais fácil evidênciar os motivos que levam a tais afirmações, uma vez que foi possível perceber
o tratamento escultórico e a concepção de volume nas figuras humanas antes maculadas pelo tempo.

Um comentário:

  1. Nada como umas redescobertas de vêz em qdo pra reanimar corações e mentes.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget