30/03/2010

Museu do tráfico

por Redação Galileu

Museu do tráfico no México exibe itens confiscados de mafiosos
Entre itens da exibição restrita estão armas incrustadas de diamantes e até animais raros
Esse é um “espaço cultural” para deixar o Poderoso Chefão morrendo de inveja. O prédio de Segurança Nacional do México abriga um museu bastante incomum – e aberto somente para cadetes em formação e convidados especiais – o museu do tráfico de drogas mexicano. A maior parte da exposição do Museu do Enervante é dedicada à exibição dos mais criativos truques que os traficantes usam para burlar a lei, além de itens de ostentação absurdos, que incluem até armas incrustadas de diamantes.
Quando um acusado de tráfico é condenado no México, seus bens são leiloados em hotéis ou mesmo no Ebay. Para ter certeza de que nenhum outro traficante compre os itens como troféu, o governo registra todos os compradores. Entre os bens normalmente leiloados estão as mansões gigantes que, não raro, têm zoológicos com animais raros - os animais, é claro, não são leiloados.
As imagens abaixo te levarão em um pequeno tour por esse museu restrito – e talvez sejam o mais perto que você chegará desses objetos.
Editora Globo

A arma à direita tem 121 brilhantes e pertenceu ao traficante mexicano Estanislao Olmostem.

Montanha de dinheiro apreendida em ação policial.

Leão Branco encontrado em mansão de traficante.

http://revistagalileu.globo.com/Revista/Common/0,,EMI128621-17770,00-MUSEU+DO+TRAFICO+NO+MEXICO+EXIBE+ITENS+CONFISCADOS+DE+MAFIOSOS.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget